Seguidores

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Sistema 10 em 1 - Como usar?

Usar um produto multiuso sempre gera uma curiosidade, como usar?
Abaixo todas as opções de uso para você explorar ao máximo seu produto.

Como Usar:

1- Selagem
Reconstrução da fibra capilar danificada
Lave com Antirresíduos / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique mecha a mecha / Pranche 3 x cada mecha / Enxágue/Aplique uma pequena quantidade sobre os fios / Escove.

2 – Plástica dos fios / Nutrição Profunda
Lave com Antirresíduos / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique mecha a mecha / Enluve num processo de tapinhas de leve (Efeito Palmas) / Escove / Pranche 3 x cada mecha.

3 . Reconstrução Pré e/ou Pós Química
Fortalece a fibra capilar e prolonga a durabilidade das químicas diversas
Lave / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique mecha a mecha / Enluve / Deixe agir 20 minutos / Enxágue / Escove.

4.Efeito Liso Antiumidade / Defrizante Pré-Escova
Lave / Condicione / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique uma pequena quantidade nas palmas das mãos / Abra as palmas sobre os cabelos formando o efeito teia / Retire o excesso nas pontas e enluve todo o cabelo, espalhando o produto / Escove.

5- Hidratação Pós Coloração
Prolonga a durabilidade da coloração
Após a coloração, aplique sobre os cabelos limpos e úmidos enluvando mecha a mecha / Deixe agir por 20 minutos / Enxágue/ Escove.

6 . Redução de Volume
Redução do volume excessivo
Lave / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique mecha a mecha / Seque 100% os cabelos / Pranche 3 x cada mecha / Enxágue / Escove.

7 – Anti-Emborrachamento
Corrige o ph, a elasticidade, a porosidade e o emborrachamento
Lave / Retire o excesso de água com a toalha / Aplique enluvando mecha a mecha / Deixe agir 10 minutos / Enxágue / Aplique uma pequena quantidade sobre os cabelos / Escove ou deixe secar naturalmente.

8 - Cauterização
Adicione 50 g Sistema 10 em 1 + 50 g Queratina em Gel e misture bem.
Lave com Antirresíduos / Pranche por 3 x cada mecha / Deixe agir por 5 minutos / Enxágue / Escove.

9 - Hidratação Colorida (Banho de Brilho)
Adicione 30 gr de coloração (cor atual do cabelo) + 30 ml de 10 em 1 + 45 ml de oxidante 10 vol + 5 gotas de óleo de Argan e misture bem.
Lave os cabelos com Shampoo Antirresíduos / Retire a umidade com a toalha /Aplique a mistura mecha a mecha / Deixe agir por 25 minutos / Enxague bem / Escove.

10 - Relaxamento Extra Liso
Adicione 10g do Sistema 10 em 1 à quantidade desejada do Relaxamento(Qualquer Química)na hora da aplicação / Manuseie normalmente.



 Não tem como não se apaixonar por este produto. De alguma forma ele será útil para seu cabelo, seja como reconstrução, selagem, anti-emborrachamento ou até da maneira mais simples, como Leave-in.


Obs.: Efeito Teia, ótimo rendimento, maior aproveitamento!



segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Lançamento Isa Hair Profissional

Recentemente a Isa Hair Profissional lançou o produto para cabelo, o Sistema 10 em 1.
Como ainda não falei dele por aqui, vou contar um pouco sobre esse milagre capilar.
Todo mundo já ouviu falar de BB Cream Capilar né?!  Então, é por ai.

Sistema 10 em 1:

O que é: Máscara de tratamento Multifuncional.
Para que serve: Tratar o cabelo danificado, repondo a massa, reconstruindo, selando, hidratando, nutrindo...
Como usar: O segredo do resultado está na forma de usar. O produto serve para 10 tratamentos diferentes, basta variar a forma de usar. Mais tarde vou fazer um post detalhando as 10 formas de uso com este produto.
Ao modo tradicional, após lavar o cabelo basta aplicar o Sistema 10 em 1, deixar agir 20 minutos, em touca térmica, alumínio ou não. Enxaguar/Ou não. Escovar e pranchar. Pronto.

Um detalhe que não pode passar despercebido: NÃO POSSUI ÓLEO MINERAL.

Este produto possui ativos capazes de reconstruir e fortalecer o fio, além de hidratar e nutrir. Por ser Multifuncional, pode ser usado também como finalizador. Não pesa no cabelo.

Princípios Ativos e seus Benefícios: 

Arginina: Resistência
Creatina: Elasticidade, resistência e brilho intenso
Pantenol: Hidratação 
Aveia: Restauração
Soja: Nutrição 
Trigo: Proteção
Silicones – Promove redução de frizz, proteção térmica e brilho, além de melhorar a penteabilidade a seco e a úmido proporcionando flexibilidade e balanço
Omega 6: Antioxidante
Serina: Melhora a penteabilidade dos cabelos, melhora as propriedades físicas da fibra do cabelo tais como o brilho, aspecto de liso, maciez e integridade das cutículas. Recupera os cabelos intensamente. Vitaminas: Auxiliam no fortalecimento dos fios



Para comprar Clique aqui



Voltando....

Oi meninas! Tudo bem?!

Estive ausente do blog, sem atualização por quase 1 ano.
Não tenho muito tempo para atualizar aqui e por isso acabei abandonando. Mas estou de volta e vou tentar atualizar sempre, vou trazer dicas e receitinhas caseiras para nossas madeixas.
Espero que gostem!

Um beijo da Isa!

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Mitos e Verdades Capilares





Você já parou pra pensar no que é verdade e o que não é sobre cabelos? Muitas vezes nos perguntamos se estamos fazendo o certo, se cuidamos direito e se tudo o que lemos na internet é realmente verdadeiro.
Então vamos há algumas dúvidas que são bem frequentes entre nós:

- Cortar o cabelo, ajuda no crescimento? 
MITO! Meninas, como assim? O cabelo cresce a partir do couro cabeludo, não das pontas. O corte é feito para retirar as pontas duplas e partes danificadas, para cuidar do cabelo e deixá-lo com uma aparência mais bonita. Não se enganem!

- Lavar todo dia, faz mal?
VERDADE! Pior ainda se seu cabelo for seco. Mesmo os produtos mais suaves, agridem o cabelo. Vamos dar uma folga pro nosso cabelo não lavando todo dia, ele merece!

- Água morna, é melhor do que água quente?
VERDADE! O uso da água quente aumenta a produção de glândulas sebáceas do couro cabeludo, além de prejudicar a pele. Opte sempre por um banho com água morna.

- Lavar  com água fria dá mais brilho ao cabelo?
VERDADE! A água quente retira a oleosidade natural dos fios, estimulando as glândulas sebáceas do couro cabeludo a produzir mais óleo para cobrir esse déficit (acima). A água fria conserva essa camada natural dos cabelos, mantendo a produção de óleo em equilíbrio.

- Lavar a cabeça com água quente faz cair o cabelo?
MITO! No entanto, em pessoas que apresentam dermatite seborreica deve-se evitar a água quente, que estimula a produção de oleosidade, podendo piorar a doença e favorecer a queda dos cabelos. 

- Coloração causa a queda do cabelo?
MITO! A coloração age apenas nos fios, não na raiz. Só danifica o cabelo se a pessoa tem alguma alergia capilar, ou não as utilize corretamente.

- Dormir com o cabelo molhado prejudica a raiz?
VERDADE! A umidade associada ao abafamento e calor provocado pelo travesseiro pode produzir uma proliferação de fungos e, consequentemente, provocar a queda dos fios. Nesse caso, um dermatologista pode resolver o problema.

Essas dúvidas foram esclarecidas por uma cabeleireira profissional!

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Reconstrução e Nutrição

Olá amores, hoje vou compartilhar com vocês a minha experiência da nova linha Argan com Queratina que está disponível na Loja Isabelle Shop.

Sobre o produto:

A Máscara de Argan com Queratina é indicada para todos os tipos de cabelos.
Sua fórmula é enriquecida com Hidrolized Keratin (Reconstrução) e Argania Spinosa Kernel Oil (Nutrição)  e Chenopodium Quinoa (A Quinoa pode ajudar no crescimento do cabelo, evitando a quebra.)
Além de Recontrução, nutrição e brilho, tem ação antifrizz e reduz o volume excessivo dos fios.
O kit é composto por Shampoo e Condicionador (1Litro), Máscara (500ml) e defrizante (250ml).




Resultado:
Antes: Cabelo ressecado, com porosidade devido aos processos químicos.
Aplicação: Após lavar o cabelo, tirei o excesso de água na toalha mesmo, apliquei a máscara Argan e Queratina e deixei agir 10 minutos na touca de alumínio. Após os 10 minutos apliquei o Platinum Silver para desamarelar, deixei mais 2 minutos e enxaguei, condicionei. Apliquei o Defrizante e em seguida tirei o excesso de água no secador. o cabelo ficou com o volume controlado, porque quando seca no secador sem escovar virava um bucha, realmente não "armou". Para finalizar escovei.


Abaixo o resultado.

 -> 1° Foto: Cabelo sem escovar, com volume controlado.

-> 2° Foto: Escova. Veja o brilho que ficou.. \o/


Aprovadíssimooooooo

 Antes & Depois

E ai o que acharam?!

Beijos e até a próxima resenha com o Sistema 10 em 1.






domingo, 23 de junho de 2013

Manual da Coloração

Como escolher uma boa tintura? Todas elas cobrem os brancos? 
Quando o assunto é mudar o tom dos fios,sobram perguntas.

Manual da coloração
É verdade que tons claros demoram mais para desbotar?
Sim. Em geral, cabelo claro dura 20 lavagens enquanto os escuros e ruivos permanecem com uma cor bonita por apenas 12.

É melhor decapagem ou descoloração?
Cada uma serve para um fim. A descoloração remove a cor de um cabelo virgem. É usada para clarear mais do que três tons ou fazer mechas e luzes. Já a decapagem é mais agressiva e pode conter oxidantes fortes. O intuito é remover os pigmentos artificiais de um cabelo que já foi colorido para depois aplicar um tom mais claro.

Qualquer coloração agride os fios?
Como todo processo químico, sim – em menor proporção para quem usa tonalizantes e de maneira mais pronunciada no cabelo submetido a tinturas permanente e semipermanente. Hoje, no entanto, muitas tintas já são enriquecidas com hidratantes, como o óleo de abacate e de macadâmia, ingredientes que minimizam a agressão.

Qual a diferença entre mechas feitas com touca e papel?
As feitas com papel geralmente deixam a variação de cor mais marcada. Com a touca, as mechas costumam ser mais finas e o resultado fica discreto.

O que quer dizer clarear ou escurecer um ou dois tons?
Passar gradualmente de uma cor mais escura para uma mais clara e vice-versa. Ex: “Ir de um castanho-claro para um louro-escuro é clarear um tom. De louro-claro para o castanho-claro, escurecemos três tons”.

Como saber se a cor vai ficar igual à da modelo na embalagem?
O que é mostrado deve servir apenas como referência. Isso porque a coloração age de forma diferente de uma pessoa para outra. O resultado final varia de acordo com a cor natural do cabelo, da integridade dos fios e dos processos aos quais eles já foram expostos. Na dúvida, consulte a tabela de resultados que aparece na lateral da caixinha – ela simula a mudança de cor para diversos tons naturais de cabelo.

Os alisados ou com permanente podem ser coloridos? Ou, se já foram tingidos, é possível alisar ou fazer permanente depois?
Tudo depende do estado do fio e, para isso, é indispensável a avaliação do cabeleireiro. Em geral, é possível, sim, aliar dois procedimentos. Porém, é necessário dar pelo menos dois dias de intervalo entre um e outro.

Os fios se tornam mais grossos ou rebeldes depois do processo de coloração?
As tinturas semipermanentes e permanentes, que penetram na cutícula, fazem com que o cabelo fique mais encorpado por causa do depósito de pigmentos nos fios. Mas, em geral, o cabelo não fica mais rebelde por causa da coloração.

Qual é o intervalo mínimo, entre uma coloração e outra, para não ressecar o cabelo e manter a cor?
Depende do tipo de produto que está sendo utilizado. Mas, no geral, o ideal é esperar cerca de 30 dias entre uma aplicação e outra.“Especialmente as tinturas permanentes podem causar mais danos ao cabelo se não for respeitado esse intervalo.

Mulheres grávidas e lactantes podem utilizar coloração temporária?
O uso da coloração – temporária ou permanente – não é indicado para mulheres grávidas ou que estão amamentando. O procedimento só deve ser realizado com aprovação do médico que acompanha a gestante – e tal caso é exceção.

É possível fazer decapagem e tingir no mesmo dia?
Sim. O mesmo vale para a descoloração. No processo de decapagem, em especial, não há muito controle sobre o resultado da cor. Em geral, o cabelo fica com um tom indefinido, e é fundamental, após a retirada dos pigmentos, fazer a cobertura dos fios com a nova cor.

Luzes ressecam menos do que tintura?
De certa forma, sim. Apesar de serem feitas a partir de um descolorante, não atingem o cabelo todo. Então, normalmente o aspecto dos fios não sofre grandes alterações. No entanto, se utilizar coloração de boa qualidade, não há mudanças significativas na textura e na saúde dos fios.

Não gostei da cor. Posso tingir novamente ou tenho que esperar um intervalo mínimo?
Não há problema para colorir o cabelo num curto intervalo de tempo, desde que o couro cabeludo e os fios estejam em ordem. Só procure a ajuda profissional para evitar manchas ou prejuízo para a saúde dos fios.

Como cobrir os brancos?
Quem tem até 30% de grisalhos ainda pode se valer das tinturas semipermanentes e muito provavelmente obterá uma cobertura homogênea dos fios. Já as mulheres que têm 40% ou mais precisarão usar uma coloração permanente para obter o mesmo resultado.

Como adquirir um bom produto?
Compre marcas conhecidas e informe-se sobre o modo de usar no momento da aquisição. Antes de aplica-lo, faça o teste do toque, para se certificar de que não tem alergia ao cosmético: para isso, basta aplicar uma pequena quantidade da mistura já preparada no antebraço e deixar que ela aja por alguns minutos. Se a pele no local não apresentar vermelhidão ou irritação, sinal verde para seguir em frente.

A cor fica bem intensa se eu deixar a tinta agir por mais tempo do que o indicado?
Não. Toda coloração possui um tempo de ação específico, descrito na bula do produto. Após esse período, ela não faz mais efeito.

terça-feira, 7 de maio de 2013

Óleo Mineral - O que você precisa saber



A maioria das pessoas vêem este óleo como o maior vilão para cabelo e pele. Mas será que realmente é assim? Será que causa tudo aquilo que dizem? Vem comigo que te conto.
Andei pesquisando a respeito e achei algo interessante que pode sanar as dúvidas de muita gente

Óleo mineral é um dos melhores e mais funcionais ingredientes para a pele e cabelo – químicos e cosmetólogos membros da Sociedade de Química Cosmética sabem disso e você também deveria saber!

Mitos Sobre o Óleo Mineral

Pode ser carcinogênico
– Gente de acordo com a internet tudo dá câncer, isso pode até ter algum fundo de verdade, pois tecnicamente, se você está vivo, você tem chance de desenvolver câncer e a poluição, os pesticidas, mercúrio, etc certamente não ajudam, mas peraí, nada de entrar em pânico! Mas vamos ao que interessa, há derivados de petróleo, como os compostos policíclicos aromáticos, que têm componentes carcinogênicos, mas o óleo mineral usado em cosméticos é refinado e purificado e sua qualidade é controlada pelo FDA, pelo ANVISA e outros órgãos internacionais. Óleo mineral cosmético não causa câncer e há vários testes e pesquisas que provam isso.

Causa envelhecimento precoce da pele – na verdade é o contrário: óleo mineral age como uma barreira entre a pele e o ar e previne que a água saia da pele, sendo assim, hidrata a pele e minimiza a aparência das rugas.
Retira as vitaminas da pele – não existe nenhuma evidência científica que prove que óleo mineral afeta o nível de vitaminas na pele.
Interrompe a absorção de colágeno através da pele – a pele não absorve colágeno existente em cremes e sérums, a pele produz colágeno com a ajuda de vitamina C e outros componentes, sendo assim, óleo mineral não interfere nesse processo.
Causa Acne - em casos raros, a acne pode piorar com o uso de óleo de mineral, mas para a grande maioria, óleo mineral não causa ou piora acne.

Benefícios do Óleo Mineral para os Cabelos

  • A capacidade de hidratação do óleo mineral é maior do que a do óleo de coco.
  • Óleo mineral fica sobre a cutícula dos fios e não é absorvido pelo córtex.
  • É o melhor ingrediente para diminuir frizz.
  • É o melhor ingrediente para a proteção térmica, pois forma uma barreira segura sobre os fios.
  • É o melhor ingrediente para a definição de cachos, pois óleo mineral mantém a adesão capilar entre as fibras capilares, pois ele fica sempre sobre as cutículas dos fios.
  • Óleo mineral, assim como o óleo de coco, é um óleo insolúvel, mas é facilmente removido dos fios com o uso de shampoos, inclusive shampoos sem sulfato.
Se eu faço co-wash, low poo ou no-poo, posso usar óleo mineral? 

SIM! O uso de óleo mineral está liberado para quem usa shampoos sem sulfatos, eles lavam o cabelo muito bem, mesmo sem fazer espuma e como o óleo mineral só fica na superfície dos fios, é facilmente removido. Se você opta por no-poo, use óleo mineral no cabelo úmidos para que não fique muito pesado. Condicionadores e leave-ins que contêm óleo mineral podem ser usado sem problemas.


Vamos ser racionais, minha gente, quando entendemos como funcionam os ingredientes, não caímos em contos de vigário ou modinha da internet. Informação é TUDO!

(Fonte: Internet)